5e29db8240b4e9183d461396_almoxarifado

As 3 técnicas mais conhecidas de Contagem de Estoque

O controle de estoque não se limita ao controle de entradas e saídas de mercadorias. Ele ocupa uma posição mais estratégica: compõe o capital de giro – ou seja, a quantidade de dinheiro disponível da empresa. Mas para ter esse número, comece pela contagem. 

Atualmente existem três possibilidades mais comuns de contagem de estoque para os empreendedores. Confira! 

Contagem manual: A mais comum, costuma ser adotada por empresas em início de atividade, quando não existem mais recursos para investir em equipamentos. Nesse modelo, o responsável pelo inventário verifica todo o estoque sem a ajuda de equipamentos eletrônicos e realiza o registro das descrições dos produtos e suas quantidades em papel ou em planilhas no computador. 

É um método mais sujeito a erros de diagnóstico do que os outros por se basear unicamente na ação humana. Por isso, é preciso total atenção, sendo altamente recomendada a realização do processo por mais de uma pessoa e por mais de uma vez. 

Contagem manual com lançamento em sistema: Quando a operação é realizada manualmente, existe também a possibilidade de se lançarem os dados num sistema que revelará a atual situação do estoque da empresa. Neste caso, o que existe é um processo misto, em que uma parte é realizada manualmente e a outra é automatizada. 

Esse método também oferece o risco de erro humano, porém, ele é menor do que a operação totalmente manual. 

Contagem com coletor de dados: A terceira possibilidade é a mais segura delas, pois acontece toda de maneira automatizada. Com um coletor de dados, é possível capturar informações via código de barras de cada produto e fazer o lançamento diretamente no sistema. 

Esse método depende de um software de gestão integrado, que permite zerar os erros com duplicidades e ausências de registros. Por anular os riscos de erros, este costuma ser o mais útil para as empresas. É também o método mais ágil. 

Compartilhe este Artigo

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email